SAIBA UM POUCO MAIS SOBRE ISSQN

Nos serviços que são prestados dentro do país também existem impostos, como é o caso do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza ISSQN ou apenas ISS.

O ISS é um tributo municipal, ou seja, somente os municípios têm competência para instituí-lo ou modificá-lo, sendo que cada prefeitura poderá alterar a alíquota de cada serviço. Conforme determinação da União, a alíquota máxima para todos os serviços é de 5%.

Na regra geral para o recolhimento do ISSQN é que o mesmo seja recolhido no município em que se encontra o estabelecimento prestador do serviço.

O recolhimento será feito no município onde o serviço foi prestado somente quando o serviço foi realizado no estabelecimento do cliente, como é o caso de segurança, construção ou limpeza de imóveis.

Pensando nisso, a partir do dia 27/06 foi implementada uma funcionalidade no TMS Brudam que permite a possibilidade de gerar NFS-e (Nota Fiscal de Serviços Eletrônica) quando essa for do tipo de imposto ISSQN. Gostou? Então continue com a leitura e confira agora mesmo! 😉

 

EMISSÃO DE NFS-e APARTIR DA MINUTA

Consulte a minuta no atalho 126 – Remessas (módulo Operacional > menu Rastreamento > opção 126 – Remessas):

Note que o tipo de emissão deve estar configurado como tipo de emissão ISSQN para que o botão GERAR NFS-e seja habilitado.

CONFIGURANDO O TIPO DE IMPOSTO PARA ISSQN

Para verificar se o tipo de emissão da minuta consultada está configurado como tipo de imposto ISSQN:

  • Acesse o módulo COMERCIAL;
  • Clique no menu SERVIÇOS;
  • Selecione a opção 430 – TIPOS DE EMISSÃO.

Observe o TIPO DE IMPOSTO:

GERANDO NFS-e

Importante: Todos envolvidos na prestação de serviço de transporte, devem ser inscritos no mesmo município inclusive a unidade emissora, se ainda assim todos devem estar na mesma cidade.

Conforme exemplo abaixo:

DEFININDO O TIPO DE SERVIÇO

Ao clicar em GERAR NFS-e, é preciso definir o serviço:

Na pesquisa dos serviços, são listados os disponíveis inseridos no atalho 319 – ITENS SERVIÇO (módulo Financeiro > menu Cadastro > opção 319 – Itens Serviço).

A NFS-e emitida está disponível no atalho 150 – NOTAS FISCAIS DE SERVIÇO.

Importante: Cancelamento de NFS-e também deverá ser dado por esse atalho.

EMITIR NFS-e APARTIR DE UMA FATURA

Siga os passos abaixo:

  • Acesse o módulo FINANCEIRO;
  • Clique no módulo NOTAS;
  • Selecione a opção 150 – NOTAS FISCAIS DE SERVIÇO.

Será apresentada a tela abaixo:

Filtre pela Data Inicial e Data Final, podendo utilizar também os outros filtros. Note que nesta tela podemos visualizar todas as notas emitidas.
É possível também aplicar filtros para pesquisa das Notas Fiscais de Serviço e em um determinado período.
Ao selecionar é possível baixar o arquivo XML e imprimir.

COMO EMITIR

  • Navegue até modulo FINANCEIRO;
  • Clique no menu NOTAS;
  • Selecione o atalho 151EMITIR NOTA FISCAL DE SERVIÇO.

Será apresentada a seguinte tela:

Note que é preciso informar para qual o cliente será emitido a Nota Fiscal.
  • Clique em Incluir o serviço (esse dever estar cadastrado no atalho 424 – Serviços Nota Fiscal de Serviço Eletrônica);
  • Se o serviço desejado não estiver na lista, clique no botão NOVO.
  • Insira o valor do serviço prestado;
  • Preencha os campos que desejar e inclusive os obrigatórios.
  • Clique no botão SALVAR.

GERANDO NFS-e

Após salvar a emissão da NFS-e será disponibilizado o botão GERAR NFS-e, (semelhante à tela de emissão de CTe).
Após clicar no botão GERAR NFS-e será aberta a janela Emitir Nota Fiscal de Serviço Eletrônica?
Clique no botão Sim, Gerar e Enviar NFS-e;
Também será exibido em tela o histórico da NFS-e emitida.
A NFS-e emitida será recebida por e-mail como arquivos XML e PDF.

#NovidadeTopBrudam 😉

Qualquer dúvida favor contatar nosso suporte ou plantão em casos de urgência conforme telefones abaixo:

Porto Alegre: (51) 3500-7018.
Curitiba: (41) 3891-0865.
São Paulo: (11) 4858-0865.
Brasilia: (61) 3686-0865.
Salvador: (71) 2886-0835.

Plantão para emergências operacionais: (51) 9.9156-8029.